Valores a receber: Nova rodada de pagamentos vai começar! Veja

0

O Banco Central ainda não divulgou a nova data para a consulta dos valores “esquecidos” pelo brasileiros em conta-corrente e poupanças encerradas e outros. Foi desenvolvido o Sistema de Valores a Receber (SRV) pelo BC para devolver dinheiros dos brasileiros que de alguma forma ficou parado em aplicações não mais utilizadas. Segundo o Banco Central serão devolvidos o total de R$ 4,1 bilhões.

Assim, a segunda parte dos pagamentos deveria ter começado no dia 2 de maio deste ano. No entanto, a greve dos funcionário do Banco Central atrasou o inicio das consultas. Assim, mesmo a greve tendo sido finalizada, o site de SRV está sendo atualizado com melhorias.

Quem tem valores a receber?

Pessoas físicas e pessoas jurídicas poderão então realizar o resgate dos valores esquecidos.

Leia Mais: Nova margem social libera empréstimo de até R$20 mil

No entanto, para receber valores deve a pessoa possuir valores que não foram retirados de conta-corrente ou poupança quando foi encerrado.

Ou, quem pagou consórcio, mas não resgatou os valores pagos e não foi contemplado pelo premio.

Os aposentados que possuíam empréstimo consignado e de alguma forma pagaram parcelas de forma indevida, também serão contemplados pelo Sistema de Valores a Receber. No entanto, importante destacar que o valor cobrado de forma indevida deve ter sido descontado direto do salário mensal do beneficiário.

O que muda com a segunda fase de pagamentos

Valores a receber: Nova rodada de pagamentos vai começar
Valores a receber: Nova rodada de pagamentos vai começar (Fonte: Edição / João Financeira)

O Banco Central informou que incluíra sete novas fontes de dinheiros que de alguma forma não foram sacados e foram “esquecidos” pelo titular do dinheiro. Veja quais são:

Leia Mais: Empréstimo consignado BPC tem valores e regras anunciadas

  1. Tarifas cobradas indevidamente, não previstas em Termos de Compromisso assinados pelo banco com o BC;
  2. Parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, não previstas em Termos de Compromisso assinados pelo banco com o BC;
  3. Contas de pagamento pré-paga e pós-paga encerradas com saldo disponível;
  4. Contas de registro mantidas por sociedades corretoras de títulos e valores mobiliários e por sociedades distribuidoras de títulos e valores mobiliários para registro de operações de clientes encerradas com saldo disponível;
  5. Entidades em liquidação extrajudicial;
  6. Fundo Garantidor de Crédito;
  7. Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito.

Leia Mais: DINHEIRO EXTRA! Tem mais de 60 anos? Fique atento aos 8 benefícios que tem direito

Como consultar se tenho valores esquecido a receber

  • Assim, acesse o site do Banco Central;
  • Escolha a opção “Sistema de Valores a Receber”
  • Para pessoa física use seu CPF e data de nascimento, já pessoa jurídicas devem então informar o CNPJ e data de abertura da empresa para consultar se existe valores a receber;
  • Será informada uma data para que você retorne ao site para fazer o resgate dos valores;
  • Para acessar o SRV e solicitar o saque dos valores que tem direito será necessário possuir conta no Gov.br nível prata ou ouro (caso ainda não possua cadastro no Gov.br, basta acessar o site ou o aplicativo para fazer o cadastro).
  • Assim, se você tem valores a receber e foi informado da data do retorno volte ao site do Banco Central  na data informada e use seu login Gov.br para acessar o sistema para saber o valor disponível e solicitar sua transferência,
  • Não se preocupe, se você esquecer a data e não fizer o acesso no dia designado. Basta acessar novamente o site do Banco Central e escolher a opção “Sistema Valores a Receber” e informar seus dados para receber na nova data de acesso

Leia também:

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extra: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias. Então, clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.